Qual aplicativo de música é melhor?

O artigo de hoje é um comparativo entre o Spotify, o Apple Music, o Google Play Music e o Deezer. Pra tentar te ajudar a escolher o melhor serviço de streaming no momento.

Hoje é dia de comparar os principais serviços de streaming que nós temos. E pra facilitar eu vou falar sobre cinco pontos principais que são a qualidade do streaming, o preço, o conteúdo disponível, recursos extras e o que eu chamei de disponibilidade, que é se o serviço tem aplicativo para todas as plataformas, se da pra ouvir pelo navegador e esse tipo de coisa.

Pelo menos resumindo nesses pontos eu acho que o artigo não vai ficar enorme.  Agora vamos começar falando sobre a disponibilidade do serviço nas plataformas. E a parte boa da disponibilidade é que os principais serviços estão em todas as principais plataformas, mas de maneiras diferentes.

Então os 4 oferecem aplicativos tanto para iOS quanto para Android, que é praticamente o que todo mundo usa. E também todos eles oferecem de alguma maneira suporta para Mac e PC. E em geral, ou você tem a opção de usar o navegador ou um aplicativo. O único que oferece as duas opções é o
Deezer.

Pra ouvir o Apple Music ou o Spotify no PC ou Mac você tem que baixar um aplicativo, no caso do Apple Music é o iTunes que praticamente ninguém mais usa pra nada. Já o Google Play Music não tem nenhum aplicativo da própria Google para ouvir pelo PC, ao invés disso o player é no navegador, é só acessar o site e começar a tocar a música, o que é bem prático. E como eu disse o Deezer tem as duas opções disponíveis, e quanto mais opções melhor.

Pra mim a principal vantagem de ter o player no navegador é a praticidade, afinal é bem difícil a gente não estar com o navegador aberto, então é só abrir uma aba nova e começar a ouvir música. Outra vantagem é que se o seu PC não tem tanta memória RAM sobrando, você não precisa ter um outro aplicativo aberto carregando a memória. Mesmo que cada aba do navegador consuma memória, é menos do que o iTunes ou o Spotify. Isso se você já estiver com o navegador aberto, se não vale a pena o aplicativo. E a vantagem do aplicativo, que também é uma desvantagem do navegador é que no aplicativo você consegue usar os comandos no teclado para passar ou voltar a música e o play pause também. Algo que normalmente não funciona em players no navegador.

De qualquer maneira o Deezer ganha um ponto aqui por oferecer o maior número de opções.

Conteúdo dos serviços

Agora vamos para o conteúdo e todos os serviços contam com uma biblioteca gigante, com milhões de músicas disponíveis. E em relação a música praticamente não há diferenças entre cada um deles. De vez em quando a Apple faz algum acordo e tem um álbum exclusivo no lançamento. O caso mais conhecido deve ser o 1989 da Taylor Swift que ficou muito tempo só no Apple Music e só depois foi para os outros serviços.

Mas isso é bem raro de acontecer e eu não levaria isso tanto em conta assim. Porém, Spotify e Deezer tem o foco em música e é o que eles oferecem. Já o Apple Music tenta trazer também alguns conteúdos exclusivos como a série Planet of the Apps, uma temporada do Carpool Karaoke e também tem o iTunes Festival. Do outro lado tem o Google Play Music, que hoje é só música. Mas em alguns países existe o YouTube Red, onde você assiste vídeos sem anuncio nenhum.

Não sabemos quando ele vai chegar no Brasil, mas a Google dá o YouTube Red de graça para quem assina o Play Music. Então esse vai ser um bônus legal no futuro quando o YouTube Red chegar aqui no Brasil. Mas como ainda não chegou, o ponto de conteúdo vai para o Apple Music, afinal a iTunes Store é a maior loja de músicas online e com isso o serviço acaba tempo provavelmente a biblioteca mais completa e com mais opções.

Qualidade de streaming

E do conteúdo vamos para a qualidade de streaming e uma coisa que vale mencionar é que nem sempre os serviços vão optar pela qualidade do áudio na hora do streaming. Porque tem que haver um equilíbrio na sua experiência. Então se você usar as configurações normais desses aplicativos, por exemplo. Quando você estiver em uma rede Wifi boa, normalmente eles vão tocar na qualidade máxima. E geralmente isso é no formato ogg, mp3 ou FLAC e provavelmente a 320kbps. Tirando pela Apple que usa o formato AAC, que eu gosto bastante, com o bitrate de 256kbps. E não dá pra comparar diretamente os bitrates aqui, 320kbps soa melhor do que os 256 da Apple.

Mas na prática tem música que toca melhor no Spotify e outras tocam melhor no Apple Music ou nos outros serviços. A única experiência negativa que eu tive nesse caso foi com o Google Play Music. Porque toda hora eu estou ouvindo música, seja no WiFi ou no 4G e a música corta próximo dos 80-90% e vai pra próxima. E isso não é nada legal.

Então resumindo, tirando pelo Google Play Music, todos os outros oferecem uma qualidade muito boa e muito parecida. E a qualidade de áudio vai variar não somente de música pra música, mas também de pessoa pra pessoa. Os que eu gosto mais são o Apple Music e do Spotify.

Preços

Agora vamos para o preço e o Apple Music tem três planos mensais. Sendo $4,99 no individual, $7,99 no plano familiar e $2,99 para o plano  universitário.

Já o Spotify, custa no plano individual R$16,90. O familiar, R$26,90. Para os universitários o preço é de R$8,50.

Os preços do Deezer são praticamente os mesmos, R$16,90 individual e R$26,90 no plano família.

Pra terminar temos o Google Play Music que custa R$14,90 no individual e R$22,90 no familiar.

Vale lembrar que o Spotify e o Deezer tem versões gratuitas com algumas limitações de utilização e com anúncios, mas mesmo assim funcionam muito bem e valem a pena. E todos eles oferecem um período gratuito.

No caso do Apple Music são 3 meses e vale muito a pena utiliza-los. Para o Google Play Music são 4 meses de graça e mesmo não sendo o melhor streaming, quem não gosta de 4 meses de graça? Por fim temos o Spotify e o Deezer que dão um mês de graça pra você usar o serviço.

Qual serviço escolher?

Agora para terminar o comparativo, os extras que muitas vezes são os que determinam qual serviço escolher. No Apple Music, além do conteúdo extra temos o iTunes Match. Então você pode fazer o upload de até 100 mil músicas para a nuvem, então você pode pegar suas 2.000 músicas no PC e subir pra nuvem.

Aí elas ficarão disponíveis para streaming nos outros aparelhos. O Google Play Music conta com o mesmo recurso, mas você pode subir até 50 mil músicas. Mas pra mim o grande extra é o YouTube Red, mas infelizmente ele ainda não está disponível no Brasil. O Deezer pra mim é ótimo pela disponibilidade, mas o único extra é para quem usa a operadora TIM.

Aí tem alguns planos que não consomem a franquia da internet quando você usar o serviço, o que é muito bom pra quem usa TIM. E por fim o Spotify e o que eu acho muito legal dele é o aspecto social. Você pode criar playlists e compartilhar com as pessoas.

E se você tem um amigo que gosta muito de música e tem um gosto parecido, você pode seguir a playlist dele e ficar por dentro das novidades. Além das playlists do próprio Spotify que são muito boas. Além de que se você estiver com o iPad tocando música conectado a uma caixinha, você pode controlar as músicas pelo seu iPhone, por exemplo. E eu adoro essa função.

E somando tudo isso, qual vale mais a pena? Bom, em primeiro lugar vale muito a pena testar o período gratuito tanto do Apple Music quanto do Google Play Music. Hoje são 3 meses na Apple e mais 4 meses na Google, só aí já são 7 meses com música ilimitada de graça.

Mas depois disso, se você usa um plano da TIM que não consome dados com o Deezer, então ele é a melhor opção, porque é um serviço muito bom e você não precisar se preocupar em gastar seu plano. Agora se você é de outra operadora e quer um serviço gratuito, entre Spotify e Deezer, eu ainda fico com o Spotify. Mas a grande questão é o serviço pago.

E eu tenho dois favoritos, o primeiro é o Apple Music, a qualidade é ótima, mas eu acho que o iTunes é um programa muito pesado pra você ter que deixar aberto só pra ouvir música.

Então pra mim a melhor opção do geral é o Spotify, eu amo as playlists compartilhadas e a qualidade do serviço é tão boa quanto ao do Apple Music. E apesar de você também precisar de um aplicativo no Mac ou no PC, ele é mais leve e tem a questão de você conseguir controlar o outro player remotamente, o que é um recurso bem legal de ter. E como sempre, inscreva-se se você não é inscrito.

Compartilhe esse artigo com todo mundo e conte pra mim qual aplicativo de música você usa aí. Até breve.

Veja mais em: https://plus.google.com/u/0/103614345695653362732/

One Response

  1. Dri Siqueira 20 de agosto de 2018

Deixe uma Resposta