Bati meu carro. E agora?

Batida de CarroCom certeza uma das situações mais desconcertantes que uma pessoa pode passar é bater o carro. Na hora do acidente e dependendo da gravidade ficamos desesperados. Não sabemos o que e como proceder diante de uma situações dessas, certo?

Para ajudar você decidi escrever este artigo que aponta os principais deveres e direitos do motorista que bate seu veículo e o que você deve fazer ou não fazer nestes casos.

Veja como agir nesses casos, saiba quais são os seus direitos e deveres ao se envolver em um acidente de trânsito.

Tomar as atitudes corretas evitará que se complique e tenha dores de cabeça futuras. Geralmente um acidente de trânsito vem acompanhado de um grande stress, porém saber o que fazer te trará toda serenidade necessária para resolver o problema.

O que importa em um acidente de trânsito

A coisa mais importante quando acontece um acidente de trânsito, qualquer um que seja, é que você se certifique de que todas as pessoas estão bem. Sim! A vida humana deve ser sua principal preocupação ao se envolver em qualquer acidente. Após chamar o resgate e comunicar as autoridades de trânsito você pode começar a se preocupar com os bens materiais.

A pessoa que sofreu os efeitos do acidente deve se munir com tudo que puder. O que isso quer dizer? Você deve juntar o maior número de informações que puder do local do acidente. Esse conjunto de provas poderá ser usado futuramente como prova em um eventual pedido de reparação.

Tente se acalmar, você estará passando por uma grande pressão e seus sentimentos estarão fora de controle.

Após verificar se todos os envolvidos no acidente estão bem, procure reunir o maior número de testemunhas possível. O número mínimo aceitável são 2 pessoas. Anote seus telefones e contatos e pergunte se elas poderão testemunhar caso você precise. Anote também os dados pessoais como CPF e endereço dessas pessoas. Após isso procure fotografar ou filmar o local do evento. Essas provas ajudarão com que você consiga provar o que realmente aconteceu.

Procure fotografar a posição dos veículos envolvidos no acidente de vários ângulos diferentes. Fotografe também os danos causados. Procure identificar outros fatores que possam ter colaborado para que o acidente acontecesse, como, por exemplo, os pneus carecas do outro carro.

Acidente sem vítimas

Vou te explicar neste parte deste artigo quais são seus deveres e direitos no caso de acidente sem vítimas. Entre em contato e solicite agentes de trânsito no local do evento. Peça para que eles façam a ocorrência dos fatos e detalhem o que aconteceu. Por cautela o ideal é que você peça para que ele anote seu depoimento e sua versão dos fatos.

Saiba agora como agir, quais são os seus direitos e deveres no cenário de um acidente que não tem vítimas. Os agentes de trânsito que forem chamados ao local poderão fazer a ocorrência dos fatos ocorridos.

Um dos seus deveres iniciais é tirar os veículos da via de trânsito, liberando a mesma, afinal manter veículos parados, obstruindo a via de trânsito é infração média, prevista no artigo 178 do CTB: “Deixar o condutor envolvido em acidente sem vítima, de adotar providências para remover o veículo do local, quando necessária tal medida para assegurar a segurança e fluidez do trânsito”.

Neste caso além do valor de R$83,13 você terá o ônus de acumular 4 pontos na sua carteira de habilitação. No caso de eventos sem vítimas é possível acionar a Justiça Móvel, que é composta por uma viatura e um conciliador que já marca a data da audiência, se assim julgar necessário.

O processo de conciliação te auxiliará a recuperar seu prejuízo, para isso será necessário iniciar uma ação Esfera Civil para cobrar os prejuízos que teve com o veículo. Isso inclui o conserto do mesmo e os lucros cessantes.

Acidente Com Vítimas

Samu Acidente de TrânsitoSão considerados acidente com vítimas aqueles que há dano físico a uma pessoa humana. Não necessariamente os danos físicos precisam ser graves para que o acidente seja considerado com “vitima”. Qualquer lesão já cria um acidente com vítima.

Em um caso como este todas as atitudes a serem tomadas em relação as vítimas e aos veículos passam a ser responsabilidade do policial ou do agente de trânsito.

Se você se envolver em um acidente com vítima sua primeira atitude deve ser entrada em contato com a Policia Militar no telefone 190 e com o SAMU no telefone 192. Você deve informar o local correto onde aconteceu o acidente. Uma viatura será enviada para o local e os agentes farão o boletim de ocorrência.

Não deixe de prestar socorro, isso pode te complicar muito. Ao fazer isso você receberá uma infração gravíssima que além dos 7 pontos na sua CNH te custará R$956,00 e a a suspensão do direito de dirigir.

Consta no Artigo 176 I do CTB: “Deixar o condutor envolvido em acidente com vítima de prestar ou providenciar socorro a vítima, podendo fazê-lo”.

É isso mesmo, ao colocar uma vida em risco e negar socorro a sua carteira de habilitação será recolhida.

Acidentes Com Vítima Fatal

Ninguém quer passar por isso, mas as vezes é inevitável. No caso de uma vítima fatal é necessário ligar para o 190 e informar o ocorrido. A policia irá ao local e realizará todos os procedimentos legais e necessários.

Entenda, apenas um médico poderá atestar o óbito da vítima. Por isso, também é necessário acionar o SAMU (telefone 192), caso você não faça isso será penalizado com base no artigo 304 do CTB: “Deixar o condutor do veículo, na ocasião do acidente, de prestar imediato socorro a vítima, ou, não podendo fazê-lo diretamente, por justa causa, deixar de solicitar auxílio da autoridade pública.”

Se você não entrar em contato com os órgãos citados acima será acusado de um crime e poderá ser preso. Quem sofre esse tipo de acidente tem direito ao seguro DPVAT. Existe como dar entrada no DPVAT sozinho, informe-se.

Procedimentos necessários em um acidente

Alguns detalhes simples te farão garantir seus direitos futuramente no caso de um acidente de trânsito. Confira:

  • Testemunhas – Anote nome, telefone e CPF das pessoas que testemunharam o acidente;
  • Dia e Horário – Anote o dia e hora que o acidente ocorreu;
  • Detalhe o local do evento: Identifique o local do acidente. Por exemplo: Avenida Consolação, esquina com a Avenida Paulista em frente ao posto de gasolina Y, sem semáforo, faixa de ônibus do lado X;
  • Condições do tempo: Por exemplo: Chovia muito, pista molhada e com terra;
  • Velocidade dos carros na hora da colisão: Anote os dados de velocidade aproximada de cada carro;
  • Identifique as possíveis causas do acidente: Por exemplo: Outro motorista no celular, pneus carecas, seta X quebrada

Você também poderá se informar de Como Dar Entrada no Seguro Dpvat. O importante em situações como essas é manter a calma e chegar a um acordo em comum conversando. Sem agressões, xingamentos ou qualquer outra reação explosiva.

Muitas situações só pioram porque não conseguimos conversar civilizadamente. Se tranquilize e não torne um acidente de trânsito pior do que ele realmente é.

Todo mundo erra e quem sai com um veículo de casa está sujeito a esses tipos de situações.

Deixe uma Resposta